STOCK CAR: Cacá e Serra vencem no Velopark

Depois de um sábado classificado como caótico no Velopark, em função das fortes chuvas, a 3ª etapa foi disputada com sol e muito calor no domingo. Na primeira corrida, vitória do pole Cacá Bueno que venceu praticamente de ponta a ponta.

Resultado – Corrida 1 1. 0 Cacá Bueno (Cimed Racing) 2. 10 Ricardo Zonta (Shell V-Power) 3. 4 Julio Campos (Prati-Donaduzzi Racing) 4. 88 Felipe Fraga (Cimed Racing) 5. 90 Ricardo Maurício (Full Time Sports) 6. 12 Lucas Foresti (Cimed Racing Team) 7. 83 Gabriel Casagrande (Vogel Motorsport) 8. 29 Daniel Serra (Eurofarma RC) 9. 80 Marcos Gomes (Cimed Racing Team) 10. 18 Allam Khodair (Blau Motorsport)

Daniel Serra que havia largado na 16ª colocação, finalizou a primeira prova na 10ª posição e garantiu desta forma, a pole na segunda corrida. O atual campeão e líder do campeonato fez uma prova perfeita e venceu sem dificuldades a prova final.

As duas corridas foram disputadas sob muito calor, com boas disputas de posição e vários abandonos, principalmente ocasionados pelas subidas nas zebras e batidas nas barreiras de proteções de pneus colocadas nas curvas.

A próxima etapa acontece nos dias 5 e 6 de maio em Londrina.

Resultado – Corrida 2: 1. 29 Daniel Serra (Eurofarma RC) 2. 80 Marcos Gomes (Cimed Racing Team) 3. 4 Julio Campos (Prati-Donaduzzi Racing) 4. 51 Átila Abreu (Shell V-Power) 5. 88 Felipe Fraga (Cimed Racing) 6. 21 Thiago Camilo (Ipiranga Racing) 7. 10 Ricardo Zonta (Shell V-Power) 8. 0 Cacá Bueno (Cimed Racing) 9. 111 Rubens Barrichello (Full Time Sports) 10. 18 Allam Khodair (Blau Motorsport)



























PLANILHAS DE TEMPOS:


STOCK CAR











1ª SESSÃO






2ª SESSÃO










GRID LARGADA CORRIDA 1


RESULTADO FINAL CORRIDA 1


RESULTADO FINAL CORRIDA 2




MARCAS

Vicente Orige pole e vitória nas duas corridas

ORIGE VENCE CORRIDA 1

A primeira corrida da segunda etapa do Brasileiro de Marcas aconteceu na tarde deste sábado (21) no circuito do Velopark, em Nova Santa Rita (RS) e teve Vicente Orige como vencedor. Mais rápido em todos os treinos, o catarinense do Chevrolet Cruze da JLM Racing dominou a prova com ritmo seguro após 21 voltas de prova. Começamos bem, fomos bem em todos os treinos e choveu bem na hora da classificação, sem acertarmos o carro para isso. Conseguimos a pole e foi bom demais vencer a corrida de hoje. Até agora, um final de semana 100%”, resumiu Orige.

Resultado – Corrida 1 1. 43 Vicente Orige (JLM Racing/Chevrolet Cruze) - 21 voltas em 26mini42s812 2. 66 Enrico Bucci (Desenfreados Racing Team/Renault Fluence) - +4.664 3. 31 Higor Hoffmann (Max Power Racing/Renault Fluence) - +10.896 4. 12 Marcio Basso (Blau Motorsport/Chevrolet Cruze) - +31.881 5. 4 Raphael Campos (JLM Racing/Chevrolet Cruze) - +46.569 6. 37 Guilherme Reischl (Blau Motorsport/Chevrolet Cruze) - +57.942 7. 10 Humberto Biesuz (JLM Racing/Chevrolet Cruze) - +1:21.542 8. 6 Roberto Hofig (Desenfreados Racing Team/Ford Focus) - +6 voltas 9. 55 Ayman Darwich (Max Power Racing/Renault Fluence) - +15 voltas MELHOR VOLTA: Vicente Orige, 1min10s509

ORIGE MAIS UMA VEZ

Campeonato Brasileiro de Marcas tem um novo líder após a segunda rodada dupla, concluída na manhã deste domingo (22) no circuito do Velopark, em Nova Santa Rita (RS). E ele é Vicente Orige, catarinense da JLM Racing que dominou a etapa liderando todos os treinos e vencendo as duas corridas do final de semana. Atual campeão da categoria, Vicente soma agora 81 pontos na liderança da tabela. “Final de semana muito bom, na frente em todos os treinos, pole position no classificatório e as duas vitórias. Uma etapa muito especial. Gosto demais da pista do Velopark – minha primeira corrida no automobilismo foi aqui -, e graças a Deus deu tudo certo mais uma vez”, comemorou o vencedor e novo líder. A corrida, com os oito primeiros colocados da prova de sábado largando em ordem inversa, teve Roberto Hofig largando na pole. Sua liderança, no entanto, durou segundos: o piloto do Ford Focus rodou já na primeira curva, quando a ponta foi assumida por seu companheiro de equipe Enrico Bucci, que saiu em sétimo. Logo, Vicente Orige aparecia em segundo lugar colocando muita pressão no piloto do Renault Fluence. Bucci manteve-se na frente segurando os ataques de Orige por 12 voltas, quando um pequeno erro antes da curva final permitiu ao catarinense do Chevrolet Cruze atacar e tomar a ponta. Dali em diante, o atual campeão brasileiro de Marcas abriu distância. Enrico ainda foi ultrapassado por Guilherme Reischl e restou ao londrinense conformar-se com a terceira posição. Para Reischl, sua melhor posição final em sua temporada de estreia no Brasileiro de Marcas. “Mais um final de semana de aprendizado, estou conhecendo o carro. Mas foi um resultado acima do esperado, porque meu concorrente teve um probleminha e consegui alcança-lo. Saio do Rio Grande do Sul bastante contente com o que conquistamos”, disse. Mesmo chegando em terceiro depois de ter liderado quase metade da prova, Enrico Bucci mostrou-se contente com o lugar no pódio. “Eu nem estava acreditando. Fiz de tudo para segurar o Orige, aí meu carro não entrou a segunda marcha em uma curva, acabei espalhando, e depois o carro começou a falhar e todo mundo começou a chegar enquanto eu perdia potência, e graças a Deus consegui chegar ao menos no pódio”, afirmou o paranaense. Orige agora assume a liderança do campeonato com 81 pontos, diante de 68 de Marcio Basso, quarto colocado na prova de hoje, e 66 de Guilherme Reischl. Então líder, Raphael Campos abandonou neste domingo e cai para o quarto lugar com 65. Enrico Bucci, com 58, fecha os cinco melhores da tabela. O Campeonato Brasileiro de Marcas permanece na região Sul do país para a terceira etapa da temporada, que acontece no dia 20 de maio em Santa Cruz do Sul (RS). Resultado – Corrida 2 1. 43 Vicente Orige (JLM Racing/Chevrolet Cruze) - 26 voltas em 26min34s034 2. 37 Guilherme Reischl (Blau Motorsport/Chevrolet Cruze) - a 26.301 3. 66 Enrico Bucci (Desenfreados Racing Team/Renault Fluence) - a 40.251 4. 12 Marcio Basso (Blau Motorsport/Chevrolet Cruze) - a 41.234 5. 10 Humberto Biesuz (JLM Racing/Chevrolet Cruze) - a 1 volta 6. 55 Ayman Darwich (Max Power Racing/Renault Fluence) - a 1 volta NÃO COMPLETARAM (75% DA DISTÂNCIA DE CORRIDA) 7. 4 Raphael Campos (JLM Racing/Chevrolet Cruze) - a 18 voltas 8. 31 Higor Hoffmann (Max Power Racing/Renault Fluence) - a 24 voltas 9. 6 Roberto Hofig (Desenfreados Racing Team/Ford Focus) - a 25 voltas MELHOR VOLTA: Vicente Orige - 59s644 Classificação do Campeonato: 1. Vicente Orige (Chevrolet Cruze) – 81 pontos 2. Marcio Basso (Chevrolet Cruze) – 68 3. Guilherme Reischl (Chevrolet Cruze) – 66

Fotos: Duda Bairros, Fernanda Freixosa/Vicar e Rodrigo Guimarães

PIT STOP  EDIÇÃO DIGITAL
maio/2021
PitStop#32.png
REVISTAS -  Capas
2017-2021
Logo_PitStop_ ok.jpg

Jornal PIT STOP produzido no Rio Grande do Sul onde circulou mensalmente durante 24 anos, sempre entregue gratuitamente nos autódromos gaúchos entre 1993 e 2017. 

Com o fim da edição passamos a produzir a partir de 2017 a Revista NEWS / Jornal PIT STOP digital, publicada aqui no site mensalmente.

O www.corridaonline.com.br existe desde 2000 e foi pioneiro nas transmissões AO VIVO de imagens e áudio no Brasil em corridas de automobilismo.

 

Redação e edição: Paulo Torino 

paulo_torino@yahoo.com.br

Mercedes 300SEL AMG #35_Red Sow_SPA 1971

Conheça o artista 

Roberto Muccillo